segunda-feira, maio 31, 2010

Agora a sério…

Acabei de ver uma reportagem sobre Violência Doméstica onde a vitima era/foi uma amiga minha de liceu
Não falo com ela há uns 15 anos. Há uns tempos meteu conversa comigo no Facebook mas não liguei muito.
Infelizmente conheço muitas pessoas da minha idade que passam ou já passaram por isso e é um assunto que me tira do sério…deixa-me em baixo e enervada.
Apeteceu-me escrever isto ao som desta música fabulosa da Aimee Mannn… to get it off my chest…

13 comentários:

  1. A violência é realmente um grave problema nos dias que correm e, no entanto, parece coisa do século passado!

    ResponderEliminar
  2. sem dúvida que quem comete violência doméstica (quer homem quer mulher) é uma pessoa desprezível! Cada atrocidade que é cometida!

    ResponderEliminar
  3. Dorushka: Mas há mesmo muita.

    ResponderEliminar
  4. A mim o que me faz confusão é mulheres que são vítimas de violência doméstica e não são capazes de largar o gajo, parece que ficam dependentes... conheço um caso assim e presentemente já nem ligo quando ela aparece toda marcada.

    Ela não tem nada que o prenda a ele, nem casa, nem filhos... nem nada. Ele chula-lhe o dinheiro todo e para cúmulo anda com outras e quando ela não quer ter sexo com ele, ele obriga-a... mas mesmo assim ela diz que gosta dele e que não o deixa!
    Até me faz confusão.

    ResponderEliminar
  5. Se eu já acho horrível e felizmente nunca conheci ninguém que tivesse passado por isso... Nem quero imaginar quando se sabe de perto...

    MJNuts

    ResponderEliminar
  6. Isso é um assunto que me deixa fora do sério !
    Não entendo como é que as mulheres sentem que têm que se sujeitar a esse comportamento.

    ResponderEliminar
  7. Na tua opinião, quais os passos que antecedem essa violência? Controlo excessivo, ciúmes, ofensa verbal?

    ResponderEliminar
  8. Dinona: TIve um caso de uma amiga minha que era o mesmo, mas finalmente já estão separados.

    Morcegos no sotão: Não conheces? Infelizmente, todas as minhas amigas mais próximas, a maioria já passou por isso na adolescência...

    ResponderEliminar
  9. Madeirense: O mal é não cortarem logo com a relação e deixarem andar.

    A: Ofensa verbal, sem dúvida. Quando começa por aí é o principio.

    ResponderEliminar
  10. Eu acho que o controlo excessivo, o vigiar as conversas na net, o ter ciúmes de amigos é também uma certa forma de violência que acaba por isolar a vítima,,,

    ResponderEliminar
  11. A: Exactamente. Resume-se tudo à falta de respeito.

    ResponderEliminar
  12. no outro dia vi uma mulher a ser agredida pelo marido, e não sabia o que fazer, gritei, já chega ou chamo a polícia :!

    ResponderEliminar
  13. a violência doméstica é crime!

    não devemos ficar calados ou ameaçar, devemos agir enquanto é tempo!

    a violência doméstica é crime público, significa que basta a denuncia para que seja aberto inquérito.

    quem sofre de violência doméstica, sofre em silêncio e em segredo, em muitos casos, a própria família não se mete, pois entre marido e mulher não se mete a colher.

    temos o dever e a obrigação de intervir, reagir e não olhar para o lado.

    já vi muitos a olharem para o lado, temos nas nossas mãos poder de intervir, É NOSSO DEVER INTERVIR!

    ResponderEliminar