quarta-feira, abril 02, 2014

“Ferris Bueller’s Day Off” de John Hughes (1986)

d3379274a07575327ab838ca21e30301 gazeteiros

O meu filme preferido do John Hughes. Dos filmes que vi mais vezes e está, sem dúvida, no meu top 5 de filmes da década de oitenta. Mesmo com a idade que tenho, às vezes vou buscar o dvd e vejo-o.

Quem está na casa dos 30 e picos e não conhece este filme mais vale dar um tiro na mona porque perdeu das melhores coisas feitas nessa altura: as frases, as piadas, as personagens, toda a mítica à volta do Ferris Bueller. Até mesmo Kevin Spacey no filme “21” quando está a dar aulas, repete a frase mais conhecida em todo o filme: “Bueller? Bueller? Bueller?” (Quando o professor de Ferris está a fazer a chamada).

Foi o filme mais marcante de Matthew Broderick, o que o fez tornar-se num herói para a sua geração. Charlie Sheen muito novo faz de delinquente retido na esquadra da polícia e que engata a própria irmã de Ferris (Matthew Broderick), Jeanie (Jennifer Grey). Cameron (Alan Ruck), o inseguro melhor amigo de Ferris também tem um papel muito importante para esta história. Sem auto-estima ou valor próprio, depois de um dia passado a fazer gazeta fora da escola, torna-se um adolescente “diferente”.

Argumento: Um estudante de liceu está determinado a fazer gazeta por um dia. Ele, a namorada Sloane e o melhor amigo Cameron partem numa verdadeira aventura por Chicago.

Curiosidades: Alan Ruck tinha 29 anos quando fez este papel de Cameron. Nalgumas cenas da parada onde estão todos a cantar, podemos ver algumas pessoas a dançarem, nomeadamente o senhor que estava a limpar os vidros, não fazia parte do filme. Ao ver as filmagens, começou a dançar e John Hughes decidiu inclui-lo nas imagens. Apesar de fazerem de irmãos neste filme, Broderick e Grey, ficaram noivos, no final das filmagens. Rob Lowe, John Cusack, Jim Carrey, Johnny Depp, Tom Cruise, Robert Downey Jr. e Michael J. Fox foram todos considerados para este papel.

tumblr_ltzsajgHLE1qcv34vo1_500 tumblr_msodb2PrFA1saqvcqo1_500

 tumblr_m8do6jOHR41rsl2sgo1_500 tumblr_mafvs9ddnb1rckh4qo1_500

tumblr_mjri81LQx81s6c8yzo1_500

13 comentários:

  1. Um verdadeiro clássico dos anos 80. Matthew Broderick já era bem conhecido do filme War Games, mas este garante a sua imortalidade na história do cinema.
    Jeffrey Jones está impecável como o director da escola, e a Mia Sara...Ah! a Mia Sara!

    E quem é que consegue tirar esta música dos ouvidos depois de ver o filme? https://www.youtube.com/watch?v=SU0Ypufo6BM&list=RDSU0Ypufo6BM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ozpinhead: Não acho piada a Mia Sara mas entendo o que vês nela. O Rooney era demais!

      Tenho esta música no telemóvel ;)

      Eliminar
  2. Penso que vi esse filme pelo menos 2 vezes, muito divertido! Acho que é nesse que há uma cena de um carro que vai por um vidro fora...mas desses filmes o que é talvez [e o meu preferido é o Breakfast Club :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oceano: Também tenho o dvd do Breakfast Club e esse é um marco também, mas prefiro este!

      Eliminar
  3. Este é "O" filme!

    A música "beat city" andou-me na mona durante anos!

    O "Shake it up Baby", dos Beatles elevado aos pincaros!

    O tema de abertura de Star Wars quando o Ferrari 250 GT California voa nas mão dos empregados da garagem que o gamam para curtir o dia todo...

    A Pinta do Ferris quando vai "sacar" a namorada do liceu...

    Filme absolutamente inesquecível. Já o devo ter visto umas largas dezenas de vezes, e riu-me sempre...

    LOL

    :)

    ResponderEliminar
  4. Tãooooooooo velhinho :)
    Vi pelos menos uma dúzia de vezes, mas também...na altura não havia tanta "oferta" como há agora.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Marta: Sim, nós dantes repetíamos mais porque não havia tanta oferta.

      Eliminar
  5. Um dos filmes favoritos do meu homem :)
    Esse e o War games!

    ResponderEliminar
  6. esse filme é um marco da historia do cinema vi-o na altura e tentei por em pratica algumas tropelias do filme, mas nenhuma funcionou que eu me lembre.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. fingir que estava doente, mandar alguém ligar para casa de meus pais com alguma teoria parva para que eu pudesse sair ou ficar até mais tarde na rua.

      Eliminar