sábado, maio 31, 2014

“The Normal Heart” de Ryan Murphy (2014)

112016_original bl2ixx8cuaaozs0

 index The-Normal-Heart-Poster-matt-bomer-36988192-1024-1516

Deu esta semana nos Estados Unidos e foi o 5º telefilme mais visto de sempre da HBO. Realizado por Ryan Murphy, o criador de “Glee”, relata a história verídica do aparecimento do vírus do HIV e da comunidade gay em New York, no inicio dos anos 80.

Começou por ser uma peça de teatro, em 1985 e mais tarde um espectáculo na Broadway, mas Ryan Murphy decidiu passa-la para a televisão. Com um elenco de luxo como Julia Roberts, Marc Ruffalo, Jonathan Groff (“Looking”), Taylor Kitsch, Jim Parsons (“The Big Bang Theory”), Matt Bomer, Alfred Molina, Denis O'Hare.

É um filme muito emotivo e real. Uma história que embora já tenha sido contada imensas vezes, faz-nos ficar colados ao ecrã durante 2h20mn. Julia Roberts tem uma prestação notável como a médica que começou a investigar este vírus. A maioria dos actores são gays na realidade e embora Mark Ruffalo seja heterossexual, a sua entrega é impressionante. Eu pessoalmente imaginaria outro actor para este tipo de papel, obviamente que opção da sua escolha sexual seria irrelevante, mas nunca Mark Ruffalo. Mas mesmo assim, o actor tem uma presença muito vincada.

Foi bom rever Denis O’Hare embora por pouco tempo e curioso observar Corey Stoll (Peter Russo do “House of Cards”) que nesta história é o braço – direito do Presidente dos Estados Unidos e tem a mesma tendência para o envolvimento com prostitutas. Jim Parson, num registo completamente diferente da sua sitcom, também tem uma prestação interessante.

Recomendo vivamente a verem este telefilme porque deixa-nos a pensar porque demorou tantos anos o Governo a tomar uma atitude em relação a esta “praga” e a maneira como todos os homossexuais lutaram e viveram as suas história de amor.

Argumento: Depois de ver um amigo sucumbir a uma nova doença que estava a matar os homossexuais no consultório da Dr. Emma Brookner (Julia Roberts), Ned Weeks (Mark Ruffalo) pretende organizar mais acção para combatê-la, mesmo que sua franqueza ameace afastar as pessoas ao seu redor incluindo seu irmão Ben (Alfred Molina), o seu amante Felix (Matt Bomer), e Bruce Niles (Taylor Kitsch).

Curiosidades: Jim Parsons fez o mesmo papel na peça da Broadway. Matt Bomer teve de perder 17kgs e na última cena está deitado numa cama porque o próprio estava já muito debilitado por causa deste processo. Barbra Streisand deteve os direitos da peça durante 10 anos mas não conseguiu ajudar para produzir o filme.

tumblr_n6dy62TuJT1ttop3oo2_250 tumblr_n6e4m2VzNQ1qayrkno4_250

 tumblr_n6e4m2VzNQ1qayrkno6_250 tumblr_n6erbzGm7Y1r01q3wo1_250

“Men do not naturally love. They learn not to.” – Felix Turner

9 comentários:

  1. Dora espero ainda hoje ver o filme, mas como a vida tem coisas inesperadas, os planos poderão ter que ficar para depois. Caso escreve depois algo no meu oceano sobre o filme, vou colocar o link deste teu post porque como sempre é muito completo! :D

    ResponderEliminar
  2. Tu só nos trazes coisas boas :)
    Vou já tratar de o "alugar".

    ResponderEliminar
  3. Uoooooou! Jim Parsons?? Really?!?!?
    Nunca o vi fora daquele contexto do TBBT. Nem sequer o consigo imaginar a não ser o Sheldon.
    Fiquei curioso. Bom post! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro P: Eu não acho piada nenhuma ao Jim Parsons. Aqui é que ele está igual a ele próprio :)

      Eliminar
  4. Ando atrás do filme para o ver... mas ainda não consegui :s

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aliás, conseguiste "alugar" onde? LOL

      Eliminar
    2. Namorado: Alugo tudo nos torrents.

      Eliminar